Software Livre para ler PDF

O que você pensaria de encontrar um sinal do seu governo na estrada dizendo "Você precisa de um Volkswagen para conduzir nesta estrada. Contacte o seu concessionário Volkswagen para uma prova de condução grátis"? Quando se trata de software para ler PDF, muitos governos fazem isso todos os dias. Com a campanha pdfreaders.org viramos o ponto de mira sobre as instituições públicas que se comportam desta maneira, expondo a frequência com a que esses anúncios não-livres aparecem. Com a ajuda de ativistas de toda a Europa, entraremos em contato com estas organizações e explicaremos-lhes como melhorar os seus sítios web para que respeitem a nossa liberdade.

O que já foi alcançado

Todos os dias, as instituições públicas anunciam software não-livre nos seus sítios web. Alguns exemplos estão abaixo. Com a ajuda dos nossos Fellows e de cetenos outros ativistas do Software Livre, reunimos durante mais de um mês 2286 relatórios de defeitos provenientes de todos os países da Europa, e também de 9 países fora da Europa.

Ministério das Finanças de Brandenburgo Ministério dos Negócios Estrangeiros de Malta Ministério da Justiça de Sachsen Ministério da Educação da França

A nossa Petição para a supressão de Publicidade de Software Privativo nos Sítios Web das Instituições Públicas foi assinado por mais de 90 organizações, 63 empresas e 2808 indivíduos. Se você não assinou ainda, faça-o agora!

Segunda fase da campanha: Entrar em contato com o setor público

Encontrar os organismos públicos que anunciam leitores de PDF privativos foi apenas a primeira etapa da campanha. Agora precisamos criar sensibilização nas seguintes questões:

Por todas estas razões, a FSFE está pedindo as administrações públicas, bem retirar os seus anúncios de software privativo, ou pelo menos fazer a mesma propaganda para o Software Livre, para que os usuários dos seus sítios web percebam que têm uma escolha.

Navegação